/ Conteúdo

Vendas online aumentam em 2014 e exigem atenção do consumidor

As vendas realizadas através da internet aumentaram 22% em 2014 no Brasil, apontou a consultoria especializada eMarketer. Segundo a empresa, o chamado e-commerce movimentou US$ 16,28 bilhões no país. Com isso, o Brasil é o único país da América Latina a figurar na lista dos 10 maiores mercados globais.

mouse-1242081-m

Roupas e acessórios são os itens mais procurados pelos consumidores online, sendo equivalente a 18% do total desse tipo de compra. Cosméticos, eletrodomésticos, assinaturas de revistas, celulares e computadores vêm na sequência.

A facilidade de compra e os preços atrativos estão entre os itens mais considerados na hora de clicar para comprar. Mas é preciso ficar atento para que essa comodidade não vire incômodo. Pesquisa é uma ótima ferramenta para conferir a reputação da loja para preços e prazos de entrega, uma das principais reclamações de quem compra online.

Segundo o advogado Luciano Fernandes, o consumidor precisa ficar atento e ir atrás de seus direitos. “Se o prazo de entrega for excedido, o cliente tem direito ao cancelamento da compra e ao ressarcimento do valor investido”, lembra.

Por isso, é fundamental ter conhecimento dos direitos do consumidor ou procurar um profissional que possa auxiliar em como proceder em caso de reclamações.